quinta-feira, 29 de julho de 2010

A trajetória de uma caminhada invencível.

Esses dias atraz eu tava na rua quando passou um carro com um mano ouvindo meu som alto pra caramba, fazia tempo q eu não me deparava com uma situação dessas e confesso q pensei em varias fitas na hora...a senssação de estar sendo ouvido por alguem numa musica é algo quase indescritível pq vai muito da luta q cada um passou pra conseguir um dia poder ouvir isso como eu...na hora lembrei do dia q escrevi aquela letra q o mano tava ouvindo no radio do carro...a musica era "Amigos" do meu primeiro cd e como num filme passou na minha mente o dia q eu peguei um papel e uma caneta num dia de chuva la em Pirituba ouvindo "you know how we do it" do Ice Cube e começei a escrever a segunda letra de Rap da minha vida (a primeira foi "Ser ou não ser"), tudo isso bem antes de conheçer a Banda Kadoshi e até mesmo de gravar meu primeiro cd solo, naquele dia observei como a letra da musica em inglês se encaixava na métrica da batida e fui estudando compasso por compasso para ter uma noção de como minha rima ia ficar, e em poucas horas eu ja estava ensaiando os primeiros versos...lembrei tbm do começo difícil sem oportunidades e uma vontade muito grande de servir a Deus, o primeiro amor como chamamos dentro da igreja, coisa boa demais quando se tem a vida transformada pelo poder de Deus...lembrei que todos os meus cds até hoje carregam um peso de testemunho na vida de todos que um dia ja ouviram um Rap meu, e de como Deus tem abençoado a vida das pessoas atravez dessa obra...lembrei tbm das persseguições e das tentativas de parar minha carreira q algumas pessoas usadas pelo inimigo tentaram fazer...lembrei de como fiquei feliz quando pela primeira vez ouvi minha musica tocando numa radio gospel...lembrei de quantas veses acordei de madrugada para orar e pedir a Deus q abençoasse meu projeto...lembrei de varios irmãos q profetizaram na minha vida tudo o q Deus viria a fazer comigo...lembrei de como fui humilhado por pessoas q não entendiam o verdadeiro propósito de se fazer um Rap pra Jesus...lembrei de todas as veses que pensei em desistir mas fui impedido por gostar muito do q faço e por amar a Jesus acima da minha própia vida...lembrei q estamos em 2010 e minha musica ainda toca no radio e na vida das pessoas fazendo aquilo pra qual fui chamado para fazer...anunciar as boas novas do Reino de Deus.

Um comentário:

  1. É isso mesmo! digo uma coisa para você,Deus é contigo.continue nessa visão do reino de pregar através do hip hop

    ResponderExcluir